Capitão América – Novo pacto – Review

O encadernado lançado pela Salvat reúne o primeiro arco de histórias, em 6 edições, do Capitão América pós 11 de Setembro e tem como objetivo mostrar como este ícone americano reage à uma das maiores tragédias ocorridas na história dos EUA.

A história se inicia com o Capitão ajudando as autoridades no resgate das vítimas em meio às ruínas das Torres Gêmeas e refletindo sobre os motivos que levaram ao atentado e quem seria o culpado por tal tragédia.

A partir deste ponto, o Capitão é convocado por Nick Fury (aqui em uma de suas melhores participações, diga-se de passagem) para combater uma série de ataques que estão ocorrendo nos Estados Unidos. É interessante perceber no decorrer da história os questionamentos de Steve Rogers,no qual ele percebe que o verdadeiro inimigo não é aquele presente no Oriente médio mas sim o ódio que existe entre as pessoas.Esta percepção fica clara em uma cena na qual um grupo de pessoas tenta matar um muçulmano nas ruas de Nova York simplesmente devido à sua religião e o capitão impede e demonstra aos cidadãos o verdadeiro inimigo.

No início da história é possível pensar que a mesma irá seguir um rumo nacionalista e com forte influência do patriotismo norte americano. Mas é nesse ponto que o autor John Ney Rieber surpreende e constrói uma narrativa muito mais profunda do que estes valores, na qual trata de maneira respeitosa o assunto em questão e questiona de maneira inteligente o papel dos Estados Unidos no mundo e as causas do terrorismo.

Além do belo trabalho de John Ney Rieber no roteiro, deve-se destacar a fantástica arte de John Cassaday. Com seu traço limpo, detalhista e seus enquadramentos, eleva ainda mais o nível da obra, pois demonstra todas as expressões do Capitão frente às situações e sua narrativa nos combates é simplesmente sensacional, pois parece que a arte possuí vida própria e realmente está em movimento. E complementando o magnífico trabalho de Cassaday temos as incríveis cores de Dave Stewart, que são a cereja do bolo desta obra.

Este arco é um excelente ponto de partida para novos leitores que quiserem conhecer melhor o personagem, que é sensacional quando bem trabalhado. Além disso os fãs de longa data perceberão como esta história foi influente para Ed Brubaker escrever sua elogiada fase pelo personagem.

Ficha Técnica

Editora: Salvat
Ano de lançamento: 2015
Páginas: 198
Preço: R$ 36,90
Onde encontrar: Livrarias e bancas de jornal

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR:

The following two tabs change content below.

Lucas Araújo

Programador, estudante de TI e co-fundador do Justiça Geek. Fanático por quadrinhos, aficionado por filmes e séries, leitor faminto, gamer esporádico e músico (muito) frustrado. Gosta de falar sobre tudo isso em seu tempo livre(ou até mesmo quando não está tão livre...), debatendo questões essenciais para a humanidade como quem vence um crossover entre super- heróis, qual é seu escritor favorito e se um filme foi bem feito.