Recomendação da Semana – Asa Quebrada

Bem-vindos a mais uma Recomendação da Semana, a coluna na qual recomendamos livros, HQs, filmes, séries e álbuns que achamos interessantes. Hoje a indicação é um quadrinho europeu que ao mesmo tempo nos conta a história da mãe de um dos autores, também apresenta uma interessante perspectiva sobre a história da Espanha durante o século XX. A recomendação de hoje é Asa Quebrada, quadrinho escrito por Antonio Altarriba e desenhada por Kim.

Em Asa Quebrada conhecemos a história de Petra, mãe de Antônio Altarriba, uma mulher religiosa, discreta e modesta que evitou ao máximo ser o centro das atenções. Conforme Altarriba se aprofunda na história de sua mãe, ele descobre uma outra história de seu país. Uma Espanha secreta, de pessoas que mantiveram o silêncio para sobreviver e proteger aqueles que amavam.

Você deve ter estudado nas aulas de história, ainda que de modo breve, sobre a sanguinária ditadura governada por Francisco Fraco pela qual a Espanha passou entre os anos de 1936 e 1975, após uma Guerra Civil que devastou o país. Foi um período bastante sombrio, onde direitos humanos foram violados, pessoas foram perseguidas e diversas liberdades individuais foram completamente ignoradas. É este o período que Altarriba procura retratar através da perspectiva de sua mãe.

O quadrinho demonstra uma forte influência de Maus, ao passo que mostra a relação do autor com sua mãe, mas também mostra todo o sofrimento pelo qual ela passou durante sua vida, tendo que superar diversas perdas para poder seguir em frente. É muito interessante a perspectiva feminina sobre um período bastante opressor na Espanha e a demonstração de como essas mulheres foram muito corajosas ao resistir, ainda que de maneira silenciosa.

Altarriba não procura esconder nada da relação com a mãe, mostrando que pouco sabia sobre a vida dela até sua morte, que não dava muita atenção a ela, tratando-a com certa frieza em alguns momentos. É visível durante toda a história sua tentativa de enaltecer a figura da mãe, ao passo que tenta se desculpar por seus erros. É uma história bastante autêntica e sensível.

A arte de Kim é simples, mas funciona muito para a história. Estamos acostumados à quadrinhos europeus com uma arte deslumbrante, mas aqui o artista utiliza recursos que referenciam muito artistas underground como Robert Crumb e Art Spielgman, o autor de Maus. Mesmo com este traço mais simplificado, ele consegue passar a emoção exata em cada quadro, o que é essencial para a história que Altarriba está contando. Aliás, a mesma dupla possui uma história contando a história sobre o pai de Altarriba, A Arte de Voar, que despertou meu interesse e pretendo lê-la assim que possível.

Asa Quebrada é um quadrinho muito enriquecedor, já que nos ensina um pouco sobre relações humanadas e história ao mesmo tempo. Se você procura uma história que fuja do comum, esta é com certeza uma boa pedida. Você já leu essa história? O que achou? Deixe sua opinião aí nos comentários.

Para comprar esse quadrinho clique AQUI. Ao comprar pelos nossos links você nos ajuda a continuar trazendo Justiça pra Cultura Pop! Ah e sempre tem um desconto bem legal 😉

Ficha técnica

Editora : Veneta
Ano de lançamento: 2018
Páginas: 272
Preço: R$ 64,90

 

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR:

The following two tabs change content below.

Lucas Araújo

Programador, estudante de TI e co-fundador do Justiça Geek. Fanático por quadrinhos, aficionado por filmes e séries, leitor faminto, gamer esporádico e músico (muito) frustrado. Gosta de falar sobre tudo isso em seu tempo livre(ou até mesmo quando não está tão livre...), debatendo questões essenciais para a humanidade como quem vence um crossover entre super- heróis, qual é seu escritor favorito e se um filme foi bem feito.