Recomendação da Semana- Homem-Aranha: Tormento

Salve Justiceiros! Bem-vindos a mais um texto da nossa coluna Recomendação da Semana, na qual os colaboradores do Justiça Geek se revezam para indicar algo interessante, seja uma HQ, um Livro, um filme, um álbum etc. E hoje a indicação será uma história do amigão vizinhança, o Homem-Aranha, chamada Tormento.

Esta história foi escrita e desenhada por Todd Mcfarlane (o criador do Spawn e co-criador do Venom) e lançada no início dos anos 90, quando artistas como ele e Jim Lee estavam no auge do sucesso. Aliás este quadrinho bateu um recorde de venda na época, alcançando o número de 2,5 milhões de exemplares vendidos, que só foi superado depois pela X-Force desenhada por Rob Liefield e pela estreia de Jim Lee nos X-Men.

A trama é a seguinte: Uma bruxa poderosa começa a controlar o Lagarto para que ele cometa crimes e devore pessoas por Nova York. Peter Parker está alheio a isso, mas quando percebe que há algo estranho com o lagarto, ele começa a investigar, luta contra o vilão e fica muito ferido, além de ser envenenado. Após a batalha ele acaba descobrindo quem é a misteriosa bruxa e o resto não vou contar para não dar muito spoiler.

Muita gente pode não gostar da arte do cara, mas sou fã do Mcfarlane. A arte dele tem muitos detalhes, ele sempre procura deixar o Homem-Aranha em poses que lembrem o aracnídeo que dá nome ao herói e também popularizou a teia espaguete. Claro que a arte dele tem alguns exageros, mas isso se deve muito a época em que o quadrinho foi publicado. Tenho que admitir também que mesmo sendo fã do Mcfarlane, ele não é um bom roteirista, já que o roteiro da HQ é bem raso, com diálogos bem simplórios e mais parece uma desculpa pra desenhar algumas cenas bem legais do que uma linha narrativa propriamente dita.

Esta revista (chamada de Spider-Man nos EUA) foi criada após Todd manifestar seu desejo por escrever as próprias histórias, e como ele era um dos desenhistas mais populares da época, foi prontamente atendido. Todd ficou na revista até a edição 16 e esta série o tornou um artista ainda mais popular, mas também o levou a ter diferenças criativas com a Marvel  que o fizeram sair para fundar a Image pouco tempo depois.

Enfim, reitero que gosto bastante dessa história, mesmo com os erros que eu mencionei, principalmente pela arte(a capa da primeira edição desse arco é icônica e é meu papel de parede do celular há meses) e acho que vale muito a pena pra você fã do aracnídeo como eu. Também é fã de Todd Mcfarlane? Já leu esta história? Deixa sua opinião aí nos comentários.

Até a próxima!

A icônica capa de Spider-Man 1 e algumas homenagens

Editora : Panini
Ano de lançamento:2013
Páginas:132
Preço:R$ 18,90
Onde encontrar:Livrarias e lojas especializadas

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR:

The following two tabs change content below.

Lucas Araújo

Programador, estudante de TI e co-fundador do Justiça Geek. Fanático por quadrinhos, aficionado por filmes e séries, leitor faminto, gamer esporádico e músico (muito) frustrado. Gosta de falar sobre tudo isso em seu tempo livre(ou até mesmo quando não está tão livre...), debatendo questões essenciais para a humanidade como quem vence um crossover entre super- heróis, qual é seu escritor favorito e se um filme foi bem feito.